Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Sex 27 Jun 2014, 22:59
Pessoalmente, nunca fui fã de signs. Fiz algumas pra experimentar e, na minha opinião, elas quase nada somaram à minha experiência. Na verdade, posso dizer que aprendi muito mais fazendo outros trabalhos e efeitos do que com signs.

Esse não é o único ponto negativo delas: se vocês pretendem ser designers, desenhistas ou trabalhar com computação gráfica de forma geral, é bom saber que as signs não tem nenhum valor fora dos fóruns. Isso mesmo: nenhum!

E aqui não importa se vocês são novos e pretendem trabalhar daqui a alguns anos. Não importa, porque o ideal é se prepararem o quanto antes, até porque muita gente começa a entrar mais cedo no mercado de trabalho... e se vocês perderem tempo, vão ter que "correr atrás do prejuízo," como se diz.

Vou deixar um ótimo artigo a respeito. Aconselho a lerem com atenção e refletirem sobre ele: http://www.novaz.com.br/blog/2010/10/faca-design-evolua-saia-das-signs/

avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Sab 28 Jun 2014, 00:02
No meu caso, uso design apenas como um Hobby. E ao contrário do que você diz, as signs me ajudaram consideravelmente. Antes eu me contentava em apenas fazer layouts e programar, signs não passavam de coisas que eu não me achava capaz de fazer. Então, acabei entrando nesse ramo e o que aprendi? Efeitos diversos, habilidade na pentool, smudge, modo de mesclagem em geral... Signs não são perda de tempo. Ajudam sim. Cabe a você decidir transformar isso numa coisa boa ou ruim.

SIGNS NÃO SÃO CRIAÇÕES TOTALMENTE SUAS -  Em tudo que envolve designer, vai envolver um elemento externo. Então, TUDO... TUDO que você faz, não será uma criação totalmente sua. 


SIGNS NÃO CRIAM PORTFOLIO - Podem até não dar, porém quem mexe na área possui uma facilidade maior para desenvolver novas artes. Quando se sabe fazer signs de qualidade, você já possui uma certa intimidade com o photoshop e alguns acabam migrando para outros programas complementares... Elas não criam portfólio, mas abrem caminho para você que possui um plano a longo prazo.


Enfim... Signs de fato não são tudo dessa área, mas elas são um elemento complementar que testa sua habilidade. E normalmente, signs são feitas como hobbys e através do tempo se transformam numa paixão fazendo com que o criador migre para outras áreas...  Acredito que o site e post mostrado por você, não passa de um exagero generalizado.

avatar
Veterano

Ver perfil do usuário
em Sab 28 Jun 2014, 00:11
Acho completamente errado, as signs sim fazem diferença, mesmo por um Hobby você aprende muitas coisas, seu olhar de percepção aumenta, você enxerga sua criatividade com mais clareza e consegue transferir para o PS, por que você melhora praticando e como esse hobby vc vai melhorando mesmo que n perceba, sign ajuda sim por que alem de ser basico ajuda a você buscar mais caminhos para avançar e seguir no que quiser


Membro

Ver perfil do usuário
em Sab 28 Jun 2014, 08:26
Todo o trabalho que você faz faz conta para você evoluir, seja uma sign, seja um layout, um logo, um flyer, um cartaz, um outdoor, um mupi .... enfim, têm muito por onde pegar. Pessoalmente para mim as signs contaram muito pois me deram uma liberdade maior dentro do Photoshop.
Falando mais abertamente, eu trabalho na área do Design Gráfico, e sim a verdade é que nenhum cliente vêm ter connosco para nos pedir uma sign mas uma coisa é certa, quando eu vou trabalhar no photoshop em edição de imagem posso agradecer muito as signs pois foi graças as ferramentes que usei em diversos trabalhos que hoje sei o que sei. (Não estou falando no geral mas em grande parte posso agradecer as signs). Se você for trabalhar na area de design gráfico... provavelmente irá usar mais programas como Illustrator e InDesign, photoshop será um auxilio por isso nem vale a pena falar se sign vai ajudar na sua evolução ou não porque você não vai fazer signs no Illustrator nem no Indesign.


Cumprimentos :)







"Adoramos a perfeição, porque a não podemos ter; repugná-la-íamos se a tivéssemos. O perfeito é o desumano porque o humano é imperfeito."
Fernando Pessoa
avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Dom 29 Jun 2014, 12:45
Ninguém, obviamente, é obrigado a acreditar no que eu e o autor do artigo escrevemos. Façam esta experiência: procurem endereços e telefones de gráficas, agências de publicidade, estúdios... de locais, enfim, onde trabalham designers. Entrem em contato, explicando que querem mostrar seus portfólios.

Levem as suas melhores signs e outros trabalhos e conversem com os profissionais. Perguntem a eles o que é necessário aprender, o que realmente se usa no mercado de trabalho... daí vocês mesmos saberão se signs são tão úteis para o aprendizado quanto parecem. Porque é preciso considerar a realidade do mercado, daí eu estar sugerindo a experiência.

Um exemplo, baseado na minha experiência: uma vez fui num estúdio, no qual a principal atividade era produzir para aqueles jornais de ofertas de grandes supermercados. Ali era muito usado o recorte de imagens, onde os profissionais tinham de separar a imagem de um produto do fundo de uma foto, para ir montando e aplicando no jornal.

Em algumas das fotos isso era fácil, porém a maioria exigia um certo trabalho, você tinha de recortar direito para a foto não ficasse com falhas ou rebarbas. Fora os ajustes nas fotos, em que você precisava corrigir o brilho e o contraste, as cores, a nitidez...

Agora... signs seriam úteis nesse caso? Muito pelo contrário: a maioria das renders já vem pronta, você não tem necessidade de recortar. Só que esta "vantagem" cria um problema: deixando de praticar o recorte de imagens você, naturalmente, não saberá fazer isso, quando chegar a hora (principalmente em momentos importantes como num teste para um emprego de designer). Porque tudo precisa de prática...

Claro que isso é apenas um exemplo, porque são muitas as áreas que um designer atua... mas é um exemplo tirado de uma situação real.


Gold Member

Ver perfil do usuário
em Ter 15 Jul 2014, 20:09
Então mano, tem fundamento total para quem deseja seguir carreira na área de design, mas para tem apenas como um hobby não se encaixa...
Parabéns pela partilha...





avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Qua 16 Jul 2014, 11:33
Sim, em teoria, quem faz signs por hobby não precisaria se preocupar com nada disso. Mas precisamos levar em conta o seguinte: seja design, sign ou coisas relacionadas, o que estamos tratando aqui é de computação gráfica. E quem lida com computação gráfica, ainda que para somente criar signs será que realmente pretende seguir outra profissão? Eu não acredito.

Não acredito que alguém aqui diria isto: "Eu não quero seguir carreira em computação gráfica, faço signs por hobby. Meu grande sonho é ser corretor de imóveis". Sem ofensa à profissão de corretor, evidente, apenas a peguei aqui como exemplo.

Experimentem mostrar suas melhores signs a amigos que não saibam nada de computação gráfica e perguntem a eles: "Que carreira vocês acham que eu devo seguir?". Todos irão mencionar algo relacionado a trabalhos envolvendo criação artística. Ninguém afirmaria, com seriedade algo como:"Você seria um ótimo corretor de imóveis!"


Gold Member

Ver perfil do usuário
em Qua 16 Jul 2014, 12:16
Continuo com minha ponderação...
Vamos pensar da seguinte maneira: Eu sou um jogador de futebol profissional e meu hobby é andar de bicicleta... Não é por isso que devo ser um ciclista profissional...

Tem mta gente sim, que faz signatures ou afins da área de design apenas por hobby, e mantenho meu ponto de vista...

@Ah parabéns pelo tópico ;)





avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Qua 16 Jul 2014, 22:48
Sim, mas aí você está falando de quem já é designer e faz signs. Eu estou falando de quem pretende ser designer e faz signs. São situações diferentes. Este tópico (e o artigo que indiquei) trata da segunda situação, não da primeira.

Sei que corro de ser tachado de "mala" com todos esses textos, porém acho essencial discutir essas coisas. Vou pegar um exemplo da vida real: estive numa pequena gráfica onde se imprimiam, principalmente, notas fiscais. O dono me mostrou os trabalhos de um candidato a arte-finalista, esse candidato fazia capas de livros, tipo montagens fotográficas com direito a smudge e tudo mais, sabe?

Em seguida, o dono me contou sobre o teste que aquele candidato fez. Disse que o rapaz estava demorando mais de uma hora para fazer uma pequena e simples nota fiscal no CorelDRAW! Lógico que ele foi reprovado. Com certeza, ele acreditou que praticar montagens e smudge iriam prepará-lo para o teste... e não preparou.

Esse é o ponto. Lá em cima, eu afirmei que signs não tem nenhum valor fora dos fóruns. Não fiz essa afirmação a troco de nada, é baseada na realidade.

10Fargs 


Gold Member

Ver perfil do usuário
em Qua 16 Jul 2014, 22:57
Leia o que escrevi manolo, é praticamente isto que tu disse em palavras mais simples hahaha
Abraço...





avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Ter 22 Jul 2014, 14:49
Na minha opinião a sign pode ser um complemento se vc realmente quer trabalhar como designer seja qual for a area. Não é totalmente inútil gastar uns 20, 30 minutinhos que seja para fazer uma sign bacana. Tentar trabalhar com recortes de renders com um fundo mesclado nela por exemplo (como vc citou) e trabalhar pontos de iluminação e foco podem ajudar na hora de um teste por exemplo .. Isso é minha opinião :D



Oi! ... Tchau!  hihi
 
avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Ter 22 Jul 2014, 23:04
Em um teste real não será fornecida render pronta, já recortadinha: o candidato é quem terá de recortar e, claro, fazer isso com rapidez e qualidade. E as imagens talvez precisem de ajustes nas cores e nos níveis... dependendo do lugar, pode ser que te avisem disso, pode ser que não: às vezes, no teste, a pessoa deixa de te alertar sobre certos detalhes, para ver se você "está ligado".

Porque um designer trabalha com imagens e é obrigação dele saber se ela está boa e, em caso negativo, corrigir. Isso aí não é opinião minha, é dessa forma que quem vai te contratar pensa: eles querem que você saiba se virar e entregar o serviço no prazo.

O que faz um designer? Muitas coisas, mas para nossa discussão vamos pegar apenas três: logotipos, embalagens e adesivos. Signs não vão te ajudar a criar logotipos, porque as técnicas delas (smudge, iluminação, etc) não se aplicam a logotipos. Muitos deles são projetados usando a chamada Golden Ratio, como mostra este artigo.

No caso de embalagens e adesivos algumas técnicas de signs talvez se apliquem a um ou outro trabalho... no entanto, serão poucos casos, porque a abordagem que você usa para criar sua sign provavelmente não seja adequada para o fundo daquela embalagem ou adesivo em particular...

avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Dom 03 Ago 2014, 20:38
Realmente ao meu ver, signs / avatar não são apenas as coisas boas que se encontra no mundo de Design.
E estudando outras coisas, podemos evoluir em um nível bem drástico do qual eramos quando fazíamos assinaturas e avatares.

Mas também não podemos deixar de gostar de fazer sign/avatar pois assim podemos dar uma melhor aparência para o membro e/ou para nós mesmos.

avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Seg 04 Ago 2014, 16:48
Signs não seriam problema se, quem as faz, não ficasse com tantas ilusões a respeito, tipo achar que elas preparam você para um teste de emprego: eu já demonstrei acima que isso não corresponde à realidade.

Mas talvez hajam maneiras de torná-las positivas se fizerem outras abordagens em relação à elas. Por exemplo, em vez de ficar pegando render recortadinhas, com tudo mastigado, escolher renders no qual você precise recortar o fundo. Assim você se obriga a praticar isso e acaba aprendendo algo que lhe será muito útil.

Ou escolhendo melhor as fontes a serem colocadas nela: em certas signs, o cara capricha na render e escolhe uma fonte ilegível, pequena ou absolutamente inadequada.

Em várias signs antigas, eu procedi dessa maneira, estou postando duas para exemplificar. São da época que eu participava do Fórum Gimp, um fórum que, infelizmente, hoje está praticamente morto:





A da Zatanna eu peguei uma ilustração do Brian Bolland, aproveitei o azul do fundo para aplicar no resto da sign. O símbolo da estrela eu fiz na mão, sem uso de estilos de camadas. Na sign da Viúva Negra, o trabalho foi maior: recortei a imagem dela da capa de uma revista (recorte digital, é claro). Criei o fundo, incluindo as sombras e a iluminação dele, também sem estilos de camada, só através da aplicação de degradês e pincéis.

Então, como eu disse, se houver outra abordagem, já será um bom começo...

15allax 


Membro

Ver perfil do usuário
em Dom 10 Ago 2014, 23:11
Cada um defende o ponto de vista que lhe convêm eu já fiz algumas sings e posso dizer que a grande maioria que aprendi sobre photoshop ou flash foi justamente por meio delas, algo que iniciou como hobbie, estudei as ferramentas, assisti a vídeo aulas, conversava com outros desing (ouvir opiniões do que precisava melhorar), sempre que tinha uma ideia procurava estudar sobre o assunto para tentar usa-lo em meus projetos.
Logo posso afirmar: é possível desenvolver suas habilidades fazendo sings.
Contudo,
Qual seu objetivo? se for como artigo sugere "faca-design-evolua-saia-das-signs" ou seja não se prenda apenas nas sings tente evoluir crescer mais.
Aqui sim você define o que procura e o que quer, independente do ramo de trabalho, temos que ter foco e dedicação no que estamos fazendo, seja um portfólio, ou qualquer projeto que esteja trabalhando, devemos sempre estar nos aprimorando buscando novas técnicas e ferramentas para melhorar nossas habilidades com isso ter um diferencial.

Obs.: eu curto Sings #Pkralho sei que não servem como embasamento para um emprego ou algo do tipo, logo pra mim fazer sing é um hobbie e defendo que é possível aprender (desde que se tenha interesse de evoluir ), e se pretende atuar profissionalmente nessa área também tem que se correr atras e dedicar, as vezes fazer ate mesmo sacrifícios mais no final nada melhor que atuar em algo que lhe de prazer.

avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Seg 11 Ago 2014, 18:36
Exatamente, você começou com signs, mas foi além, procurou evoluir. Agora... se o cara faz signs e acredita que o design se resume a isso, vai mudar de opinião quando tentar arrumar um emprego de design.

Tente falar de sign com o dono de uma uma gráfica, de um estúdio ou de uma agência... ele pensará tratar-se de sinalização, uma atividade ligada a comunicação visual, como a desta empresa. E não vai adiantar muito explicar qual tipo de sign você está falando. Mesmo que a pessoa entenda, ela pouco vai se interessar. Pra um empregador te contratar, só importa que você saiba se virar e entregue o serviço no prazo e com qualidade.



17Kabral 

avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Ter 18 Ago 2015, 21:41
oxente mainha

18Kabral 

avatar
Membro

Ver perfil do usuário
em Ter 18 Ago 2015, 21:41
lerdao mane mds kk

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum

Compartilhe este Tópico!

Url direta
BBcode
HTML
Feito com    e muito    pela equipe Fox Design